sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

6ª Feira de Ciências da Escola 19 de Outubro










No mês de outubro promovemos na Escola 19 de Outubro nossa 6ª Feira de Ciências. Observamos trabalhos muito bem elaborados e de extrema criatividade. Os alunos pesquisaram sobre assuntos de seus interesses e apresentaram para diferentes escolas que nos deram a honra da sua visita. 

1ª Feira de Ciências da escola 19 de Outubro - 2005

Essa foi a primeira Feira de Ciências da Escola  19 de Outubro! Tenho muito orgulho dos trabalhos apresentados pelos meus alunos! Amados, fico muito contente em saber que continuam buscando o conhecimento. 


sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Adoro ler e dar muitas gargalhadas com a Maitena Burundarena



Se você quer ler alguma coisa descontraída, pode tentar ler os livros dessa autora argentina descolada. Você vai se deparar com situações muito engraçadas e vai se identificar com elas. Um dos principais temas que a Maitena aborda é a diferença entre os homens e as mulheres, porém, de uma maneira divertida!

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Mostra Cultural da Escola Estadual de Ensino Básico Prof. Mathias Schutz



No Final do mês de outubro fizemos uma Mostra Cultural na Escola Mathias Schutz. Recebemos muitas visitas para nos prestigiarem pelos trabalhos muito bem elaborados de nossos alunos. Nossa Mostra além de trabalhos científicos teve também trabalhos literários. O tema de nossa Mostra foi um assunto muito discutido: "Entre a vida e a morte". Tentamos abordar o tema de maneira eclética e a interdisciplinaridade foi muito presente nessa hora. Nossa Mostra foi decorada com materiais reutilizados e tentamos evidenciar o tema da mostra na decoração. Para isso criamos um corredor da vida e um corredor da morte. No corredor da vida, expusemos trabalhos relacionados à vida: maquetes com células; fenômenos necessários para a vida, como síntese proteica. Procuramos deixar o corredor muito claro e com muitas flores plantadas. Já no corredor da morte havia muitos esqueletos que os alunos da 7ª série desenvolveram em cartolina, havia nossa múmia de peixe, havia bonecos com aparelhos circulatórios, crânio que usamos na aula e outras coisas que representariam morte, inclusive um caixão fúnebre onde um aluno maquiado se escondia dentro e testava a resistência dos que passavam. Era divertido e as pessoas riam muito.
         Tivemos na Mostra, uma Feira do livro onde os alunos trabalharam com uma coleção divertidíssima do autor Paulo Bitencurt que tratava de VanGogh, Kafka, Shaskespeare, Freud e Aristóteles. Depois de um dia diversificado, contamos também com a presença do autor para um happy hour com delícias gastronômicas e muito teatro.
          Conseguimos com esse trabalho provar que é possível trabalhar a interdisciplinaridade, pois todas as disciplinas (literatura, filosofia, religião, sociologia, química, Biologia, artes, Educação Física, Matemática, Física, História, Português, e Geografia), são extremamente importantes para se realizar um trabalho pedagógico gratificante e estimulante para  nossos alunos. Parabéns a todos nós!!!

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Feira cultural Escola Mathias Schutz

Venham todos visitar no dia 30 de setembro e  01de outubro a Feira cultural da Escola  Mathias Schutz. Teremos Feira de Ciências e Feira do Livro. Muitas atividades culturais, pesquisas científicas e descontrações para lhe alegrar. Sintam-se todos convidados. Nossa Feira terá um tema muito polêmico e interdisciplinar: "Entre a Vida e a Morte". Tentaremos abordar esse tema com criatividade e respeito. Envolveremos a história, filosofia, ciência, literatura entre outras atividades. Na sexta, das 8h às 11h da manhã e à tarde, das 14h às 17h. No sábado, das 8h às 11h.
Contamos com sua presença!

21 de setembro - Dia da árvore


DIA DA ÁRVORE

Dia da Árvore
Você conhece uma árvore? Pense um pouquinho.
Aposto que você já viu muitas, muitas, muitas árvores, mas será que você conhece uma em especial? Uma árvore com a qual você brinque, converse, desfrute da sua sombra, experimente seus frutos.
Você tem alguma amiga árvore? Se a resposta for sim dê a ela um forte abraço no dia 21 de setembro porque é o dia dela. Agora, se você não tem nenhuma amiga árvore não tem problema, você pode abraçá-la mesmo assim. As árvores são legais e simpáticas e não são de recusar carinhos nem cuidados, embora a gente esqueça o quanto elas precisam de carinho e de cuidados.
Você sabia que pode cuidar de uma árvore? E de duas? E de três? E de mil? Pode sim. Você pode cuidar dela se nunca esquecer que ela é um ser vivo como nós, que luta pra sobreviver porque gosta muito da vida. Uma forma de ajudá-las é preservá-las e a preservação começa com o conhecimento e o respeito.
E respeitar uma árvore é garantir nossa própria existência. Ela protege a terra com suas raízes sabia? E ainda nos aconchega em sua sombra, mantém o ar úmido e produz oxigênio para todos os seres da natureza. Isso sem contar os frutos deliciosos e suas propriedades terapêuticas.
Agora você entende por que toda vez que destroem uma árvore estão ameaçando nosso futuro não entende? A gente tem que lutar pela preservação da natureza, das árvores, dos animais porque lutar por eles é lutar pela vida. Faça sua parte respeitando a natureza e passe pra frente o que aprendeu aqui hoje: quem ama a vida, protege a natureza.
E não esqueça de cuidar das árvores que estão perto da sua casa, na praça mais próxima, na escola, no sítio, na praia, na casa da vovó... Se você não souber muito bem como cuidar delas é só procurar alguém que saiba. Na sua escola com certeza vão saber ensinar você.
E quando puder peça para a mamãe ou pro papai ensinarem você a plantar uma árvore bem bonita e saia falando pra todo mundo que você plantou a árvore mais linda do mundo e que ela vai ajudar a salvar o planeta. Essa fofoca é verdade e é boa de espalhar.
MAS POR QUE DIA 21 DE SETEMBRO?
O dia da árvore é comemorado em todo o mundo e em datas diferentes. Aqui no Brasil o dia 21 de setembro foi escolhido pelos índios que cultuavam as árvores no começo da primavera, época em que eles preparavam o solo para cultivo.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Exercícios para a 6ª série


Queridos alunos das 6ª séries, deixo um reforçinho na nossa aprendizagem:  alguns exercícios sobre poríferos e cnidários. Façam os exercícios, postem no blog e me mandem um recado para eu já ir corrindo-os:
1.       Qual a principal característica dos poríferos e dos cnidários?
2.       O que significa dizer  que os poríferos são sésseis?
3.       Como os poríferos e cnidários respiram?
4.       Qual a função dos coanócitos e dos cnidócitos?
5.       Qual a função das espículas nos poríferos?
6.       O que é nematocisto?
7.       Como pode ser as reprodução dos poríferos e cnidários? Explique.
8.       Quais as formas dos cnidários e como elas se caracterizam
9.       Faça um quadro identificando as principais classes de cnidários e exemplifique-as
10.   As esponjas são animais fixos. Como elas conseguem alimento?



quarta-feira, 15 de junho de 2011

Semana do meio ambiente


Parabéns alunos da Mathias Schutz, vocês foram ótimos!!!! Esse foi um lindo trabalho artístico representando o meio ambiente. Uma visão bonita de um mundo sustentável, onde não faltará comida para ninguém. Os grãos serão fartos e a natureza não será desperdiçada. Nossa escola reflete o que a população mundial que zela meio ambiente não perde:" a esperança".

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Nossa!!! Quanta coincidência!!!!

Olha só que interessante... Quando resolvi nomear meu blog, escolhi esse nome em homenagem ao devorado no filme mais idiota que já olhei: Anaconda. Ela devora um ser homem chamado Gary. Não foi por nada especial, por arriação. Logo depois, os alunos vieram me dizendo que o molusco gastrópode do Bob Esponja (isso mesmo, aquela lesminha, também se chamava Gary. E agora, olha só o que descobri: significa cuidado. Analisando mais, me identifiquei com o perfil.

SIGNIFICADO DO NOME GARY
ORIGEM DO NOME GARY
Qual a origem do nome Gary: INGLÊS

SIGNIFICADO DE GARY
Qual o significado do nome Gary: O PORTADOR DA LANÇA.

SIGNIFICADO E ORIGEM DO NOME GARY - ANALISE DA PRIMEIRA LETRA DO NOME: G
Muito sério, e com grande honestidade no meio profissional, busca a perfeição em tudo e se aborrece quando as coisas não saem conforme o planejado. Reflete muito antes de agir, e quando toma uma decisão é capaz de mergulhar de cabeça no que está fazendo e esquecer todo o resto à sua volta. Se atrai por assuntos ligados a saúde, e se adaptaria muito bem ao trabalhar nessa área. Sua impaciência, pode leva-lo a um estresse facilmente.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Não esqueçam os exercícios!!!!!

Amores... Vão para o findi mas não se esqueçam de fazer o temas, estudar e atualizar o blog. Um grande abraço, amo todos vocês

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Turmas 104 e 105 - Escola Mathias Schutz

Amados, achei interessante esse texto e de acordo com o que estamos estudando. Quero que vocês o leiam com muita atenção e respondam as questões a seguir para que possamos debatê-lo na próxima aula.
Um grande abraço a todos,
Prof. Ana
TEXTO:
A Química controla nossas vidas
Certamente você já deve ter ouvido falar em diabetes, uma dença metabólica que atinge cerca de 8% da população brasileira. Uma pessoa é considerada diabética quando seu pâncreas não produz insulina ou o faz em quantidade insuficiente. A função da insulina é facilitar a penetração da glicose nas células.Portanto, a falta dessa substância prejudica a entrada de glicose nos tecidos e todo o metabolismo dos açúcares fica alterado. Esse quadro traz consequências graves, mas pode ser controlado com medicamentos e injeções de insulina, que compensam a disfunção do pâncreas . Assim, os sintomas da doença desaparecem, e o diabético pode levar uma vida praticamente sem restrições. No parágrafo anterior, foram citadas duas substâncias, a insulina – que é uma proteína – e a glicose – açúcar. Temos centenas de substâncias diferentes dentro de nossas células, que participam das inúmeras reações químicas do metabolismo. Toda nossa atividade biológica,em outras palavras, a manutenção da nossa vida, depende desas substâncias e das reações que ocorrem entre elas. 
Além de água – o componente mais abundante da célula viva – e dos sais minerais, as demais substâncias são agrupadas basicamente em quatro categorias: os carboidratos (entre os quais os açúcares são exemplo), os lipídeos (como os óleos, gorduras e ceras), as proteínas (como a insulina, já citada) e os ácidos nucleicos (como o conhecido DNA).
EXERCÍCIOS:
1.       Esplique o papel da inslina no metabolismo de cada pessoa.
2.       A glicose que penetra nas células provém do sangue. Como deve ser a concentração de glicose no sangue do diabético que não faz o tratamento adequado, em comparação a uma pessoa que não diabética?
3.       Identifique, a partir do texto, as realções entre manutenção da vida e metabolismo. 

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Turma 71 Mathias e 7ª 19 de outubro


OBESIDADE
Sinônimos e Nomes populares:
Excesso de peso corporal, aumento do peso corporal; aumento de gordura, gordura.
O QUE É?
Denomina-se obesidade uma enfermidade caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal, associada a problemas de saúde, ou seja, que traz prejuízos à saúde do indivíduo.
COMO SE DESENVOLVE OU SE ADQUIRE?
Nas diversas etapas do seu desenvolvimento, o organismo humano é o resultado de diferentes interações entre o seu patrimônio genético (herdado de seus pais e familiares), o ambiente sócioeconômico, cultural e educativo e o seu ambiente individual e familiar. Assim, uma determinada pessoa apresenta diversas características peculiares que a distinguem, especialmente em sua saúde e nutrição.
A obesidade é o resultado de diversas dessas interações, nas quais chamam a atenção os aspectos genéticos, ambientais e comportamentais. Assim, filhos com ambos os pais obesos apresentam alto risco de obesidade, bem como determinadas mudanças sociais estimulam o aumento de peso em todo um grupo de pessoas. Recentemente, vem se acrescentando uma série de conhecimentos científicos referentes aos diversos mecanismos pelos quais se ganha peso, demonstrando cada vez mais que essa situação se associa, na maioria das vezes, com diversos fatores.
Independente da importância dessas diversas causas, o ganho de peso está sempre associado a um aumento da ingesta alimentar e a uma redução do gasto energético correspondente a essa ingesta. O aumento da ingesta pode ser decorrente da quantidade de alimentos ingeridos ou de modificações de sua qualidade, resultando numa ingesta calórica total aumentada. O gasto energético, por sua vez, pode estar associado a características genéticas ou ser dependente de uma série de fatores clínicos e endócrinos, incluindo doenças nas quais a obesidade é decorrente de distúrbios hormonais.
O QUE SE SENTE?
O excesso de gordura corporal não provoca sinais e sintomas diretos, salvo quando atinge valores extremos. Independente da severidade, o paciente apresenta importantes limitações estéticas, acentuadas pelo padrão atual de beleza, que exige um peso corporal até menor do que o aceitável como normal.
Pacientes obesos apresentam limitações de movimento, tendem a ser contaminados com fungos e outras infecções de pele em suas dobras de gordura, com diversas complicações, podendo ser algumas vezes graves. Além disso, sobrecarregam sua coluna e membros inferiores, apresentando a longo prazo degenerações (artroses) de articulações da coluna, quadril, joelhos e tornozelos, além de doença varicosa superficial e profunda (varizes) com úlceras de repetição e erisipela.
A obesidade é fator de risco para uma série de doenças ou distúrbios que podem ser:

Doenças Distúrbios
Hipertensão arterial Distúrbios lipídicos
Doenças cardiovasculares Hipercolesterolemia
Doenças cérebro-vasculares Diminuição de HDL ("colesterol bom")
Diabetes Mellitus tipo II Aumento da insulina
Câncer Intolerância à glicose
Osteoartrite Distúrbios menstruais/Infertilidade
Coledocolitíase Apnéia do sono

Assim, pacientes obesos apresentam severo risco para uma série de doenças e distúrbios, o que faz com que tenham uma diminuição muito importante da sua expectativa de vida, principalmente quando são portadores de obesidade mórbida (ver a seguir).
COMO O MÉDICO FAZ O DIAGNÓSTICO?
A forma mais amplamente recomendada para avaliação do peso corporal em adultos é o IMC (índice de massa corporal), recomendado inclusive pela Organização Mundial da Saúde. Esse índice é calculado dividindo-se o peso do paciente em kilogramas (Kg) pela sua altura em metros elevada ao quadrado (quadrado de sua altura) (ver ítem Avaliação Corporal, nesse site). O valor assim obtido estabelece o diagnóstico da obesidade e caracteriza também os riscos associados conforme apresentado a seguir:

IMC ( kg/m2) Grau de Risco Tipo de obesidade
18 a 24,9 Peso saudável Ausente
25 a 29,9 Moderado Sobrepeso ( Pré-Obesidade )
30 a 34,9 Alto Obesidade Grau I
35 a 39,9 Muito Alto Obesidade Grau II
40 ou mais Extremo Obesidade Grau III ("Mórbida")


Conforme pode ser observado, o peso normal, no indivíduo adulto, com mais de 20 anos de idade, varia conforme sua altura, o que faz com que possamos também estabelecer os limites inferiores e superiores de peso corporal para as diversas alturas conforme a seguinte tabela :

Altura (cm) Peso Inferior (kg) Peso Superior (kg)
145 38 52
150 41 56
155 44 60
160 47 64
165 50 68
170 53 72
175 56 77
180 59 81
185 62 85
190 65 91


A obesidade apresenta ainda algumas características que são importantes para a repercussão de seus riscos, dependendo do segmento corporal no qual há predominância da deposição gordurosa, sendo classificada em:

Obesidade Difusa ou Generalizada
Obesidade Andróide ou Troncular (ou Centrípeta), na qual o paciente apresenta uma forma corporal tendendo a maçã. Está associada com maior deposição de gordura visceral e se relaciona intensamente com alto risco de doenças metabólicas e cardiovasculares (Síndrome Plurimetabólica)
Obesidade Ginecóide, na qual a deposição de gordura predomina ao nível do quadril, fazendo com que o paciente apresente uma forma corporal semelhante a uma pêra. Está associada a um risco maior de artrose e varizes.


Essa classificação, por definir alguns riscos, é muito importante e por esse motivo fez com que se criasse um índice denominado Relação Cintura-Quadril, que é obtido pela divisão da circunferência da cintura abdominal pela circunferência do quadril do paciente. De uma forma geral se aceita que existem riscos metabólicos quando a Relação Cintura-Quadril seja maior do que 0,9 no homem e 0,8 na mulher. A simples medida da circunferência abdominal também já é considerado um indicador do risco de complicações da obesidade, sendo definida de acordo com o sexo do paciente:

Risco Aumentado Risco Muito Aumentado
Homem 94 cm 102 cm
Mulher 80 cm 88 cm


A gordura corporal pode ser estimada também a partir da medida de pregas cutâneas, principalmente ao nível do cotovelo, ou a partir de equipamentos como a Bioimpedância, a Tomografia Computadorizada, o Ultrassom e a Ressonância Magnética. Essas técnicas são úteis apenas em alguns casos, nos quais se pretende determinar com mais detalhe a constituição corporal.
Na criança e no adolescente, os critérios diagnósticos dependem da comparação do peso do paciente com curvas padronizadas, em que estão expressos os valores normais de peso e altura para a idade exata do paciente.
De acordo com suas causas, a obesidade pode ainda ser classificada conforme a tabela a seguir.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Parabéns!!!

Queridos alunos da 8ª série da Escola 19 de Outubro
nosso sabão ficou no ponto! Isso é só para sabermos que não há nada que não se possa aprender. Vocês estão de parabéns! Providenciaram tudo, se organizaram e conseguiram desenvolver um excelente trabalho!

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Estou orgulhosa!!!

Meus amados e queridos alunos,
Estou muito orgulhosa do trabalho que vocês estão fazendo no projeto blog. Fico contente em como vêm se dedicando e isso se refletirá muito no desempenho intelectual de todos vocês. Vocês estão cada vez mais organizados e sinto que o Bolg está lhes despertando muito interesse pela pesquisa, o que me faz ter a certeza de que a internet na escola pode ser usado de uma maneira muito positiva. Obrigada por trabalharem bem em conjunto, e por serem criativos e dedicados.

PS. Olhem sempre o blog da Prof, porque costumo deixar sempre recados importantes!!!

Um grande abraço.

terça-feira, 5 de abril de 2011

mitocôndrias




Mitocôndrias - organela celular responsável pela respiração celular e produção de energia

segunda-feira, 21 de março de 2011

Alunos queridos,
Estou postando abaixo um filme sobre células. O filme tem narração espanhol mas está traduzido para o português. Prestem atenção nas informações e respondam as questões do livro:





sexta-feira, 18 de março de 2011

8ª séries - Exercícios sobre matéria e energia

Exercícios:

1.Diferencie os itens abaixo em matéria ou energia: justtifique sua resposta:

a) Calor

b) Gelo

c) Vapor de água

d) Fuligem

e) Luz

f) Eletricidade

2. Diariamente, desde o momento em que se levanta da cama pela manhã até deitar-se novamete à noite, você pratica diversas atividades, como tomar banho, escovar os dentes e vestir-se, que estão associadas a diversas formas de energia. Anote as atividades e descreva as formas de energia envolvidas em cada uma.

3. Considere as substâncias químicas: água (H2O), glicose (C6H12O6), gás oxigênio (O2), gás metano (CH4) e gás butano (C4H10).

a) Que tipos de átomos estão presentes nessa substâncias?

b) Cite uma outra substância que contenha pelo menos um desses tipos de átomos.

Cite:

a) Três diferentes tipos de obetos produzidos com um mesmo tipo de matéria;

b) Um tipo de objetoproduzido por três tipos diferentes de matéria

7ª série - 19 de Outubro e Mathias

Respondam nos seus blogs:

Questões para as 7ª séries:

1. Por que vírus não podem ser considerados unicelulares?

2. O que aconteceria se uma célula pudesse viver depois de retirarmos todas as suas mitocôndrias?

3. Escreva no blog duas funções importantes do núcleo

4. No nosso corpo existem células que cumprem seu papel sem o núcleo?

5. No blog, substitua cada informação por uma única palavra.

a) Pigmento verde encontrado em organelas de células vegetais.

b) Estruturas típicas de células vegetais. Graças a elas existe oxigênio na Terra.

c) Estruturas típicas de células animais. Estão relacionadas com os processos de digestão celular.

d) Organela que armazena moléculas sintetizadas pelas células?

e) Organelas que faltam nas células de plantas frutíferas. Estão relacionadas com a divisão celular.

f) Filamentos onde estão “impressas” todas as características de cada ser vivo.

g) Processo pelo qual as plantas sintetizam seu próprio alimento com a utilização da energia luminosa.

h) Apresenta características de ser vivo apenas quando dentro de uma célula

6. Como podemos diferenciar a célula animal da célula vegetal?

7. O que aconteceria a uma célula se dela fossem retirados todos os ribossomos?

segunda-feira, 14 de março de 2011

Células Tronco


http://www.presenteparahomem.com.br/wp-content/uploads/2010/01/celulas-tronco-o-que-sao-onde-83.jpg

Alunos, da turma 71 do escola 19 de outubro, façam um comentário em formato de texto e publiquem a postagem aqui.
A classificação dos seres vivos



O atual sistema de classificação biológica



No atual sistema de classificação, espécies semelhantes são colocadas em um mesmo gênero, como fazia Lineu.

Com os novos conhecimentos adquiridos pelo homem, desde os tempos de Lineu, acrescentaram-se outros critérios para a classificação. São pesquisadas semelhanças genéticas e bioquímicas, por exemplo. Tudo isso, visa tornar a classificação o mais precisa possível.

Os gêneros que apresentam semelhanças significativas são reunidos em uma categoria maior, denominada família. As famílias semelhantes, por sua vez, são reunidas em ordens; ordens semelhantes são agrupadas em classes e classes semelhantes são agrupadas em filos. Estes, por sua vez, compõem os reinos. Ufa!!!!, é de perder o fôlego.

A categoria mais específica é a espécie, e a mais abrangente é o reino.


algumas regras básicas de nomenclatuara dos seros vivos
o nome científico de um ser vivo contém sempre duas palavras: a primeira referente ao gênero e a segunda à espécie.

o nome do gênero deve sempre começar por letra maiúscula e o da espécie em letra minúsculas.

o nome científico de um ser vivo (gênero e espécie) deve sempre vir destacado no texto (escrito em itálico, sublinhado ou em outro tipo de letra).

sexta-feira, 11 de março de 2011

Matéria, corpo, massa e volume

Matéria é tudo que tem massa e ocupa lugar no espaço. Já um corpo, pode ser entendido como uma porção limitada de matéria. Exemplo:uma pedra, uma árvore, um animal ou planeta.
A massa pode ser definida como a quantidade de matéria existente num corpo. E o volume? Volume é o que indica o espaço ocupado pelo corpo.

Para diferenciarmos massa de volume vamos usar corpos de mesma massa, mas de volumes diferentes e mergulhá-los em água em dois recipientes idênticos com mesmo nível inicial. Será que o nível nos dois recipientes vai aumentar igual ou diferentemente?


Nesse experimento temos dois corpos de mesmo formato, mesmo volume, mesma composição e massas diferentes. Os dois vidros são vedados na água. Um dos corpos vai flutuar e o outro vai afundar, mostrando que a massa de um corpo tem relação com o fenômeno da flutuação.


No próximo experimento temos dois corpos de mesma composição, mesmo volume, mesma massa, mas de formatos diferentes.Colocando os dois em água os dois vão afundar. O fato dos dois afundarem significa que o formato do corpo não influencia na flutuação.

quarta-feira, 2 de março de 2011

Células Eucariontes (Vídeo Aula)



Queridos,
esses organismos são formados de células eucariontes (que possuem núcleo) e são unicelulares (possuem uma única célula).
http://youtu.be/TJnpsuv3E7s

Seguidores